Um modelo de fluxo de caixa para sua empresa

Fluxo de caixa, a ferramenta mais poderosa para o dia a dia da sua empresa!


O fluxo de caixa está entre as mais poderosas e importantes ferramentas de gestão financeira para qualquer porte de empresa. Ele demonstra um resultado primordial para o controle do dia a dia, ou seja, quanto entra menos quanto sai. Ele também pode e deve ser usado para projetar esse movimento no futuro.

Imagine ir dormir tranquilo sabendo que nos próximos 30 dias terá entrada de recursos suficientes para pagar suas contas... ou caso não tenha, também dormirá tranquilo sabendo que terá tempo suficiente para gerar mais recursos para pagar o que deve.

Sinta-se com a segurança necessária para saber quando deve ou não comprar os insumos, qual é seu melhor dia para programar seus pagamentos lembrando que tem alguns pagamentos que não podem ter suas datas alteradas.


O dono de negócio nunca deve olhar apenas para o dinheiro que entra e fazer compromissos com ele no mesmo dia sem analisar tudo que vem depois para ser pago. Quando é fechada uma boa venda ou um bom contrato é comum o empresário se empolgar com uma grande entrada de dinheiro. Porém logo depois vem as contas relacionadas a estas vendas, como por exemplo matéria prima ou equipe para entregar um contrato. Isso tudo fora os impostos e comissões de vendas que deverão ser pagos no mês seguindo.

É muito importante que você tenha controle de CADA conta que tem para pagar, seja ela bem pequena ou bem grande. É importante registrar as contas a receber e as contas a pagar no momento imediato que elas são geradas, pois assim não se corre o risco de esquecer nenhum detalhe.


Quanto às contas que são geradas após o mês e que são referentes às atividades do mês anterior estas devem ser provisionadas. Por exemplo: você sabe a média que gasta de conta de energia e que dia é seu vencimento. É só provisionar (prever) o valor e assim que a conta real chegar você corrige o lançamento. Assim você saberá quanto exatamente terá para fazer coisas que não são da rotina da empresa, como investimentos ou retiradas.


Sobre as retiradas precisamos ter atenção redobrada. É muito importante estipular uma retirada fixa, como se fosse salário, e programar no fluxo de caixa mensal. Lógico que você como dono da empresa quer que sua renda seja alta, mas fique sempre atento à capacidade do seu negócio e quanto recebem as pessoas que executam a mesma função no mercado. Você projeta esse valor e ao final de períodos determinados apura se teve lucro ou não e, aí sim, faz uma retirada maior a título de bônus (vamos detalhar isso melhor em outro texto).

O fluxo de caixa deve ser seu aliado na hora de tomar decisões. Use sem moderação, use sempre. Pois ele vai evitar que você cometa erros que poderão te dar muito trabalho para resolver.

É tão bom poder manter as contas em dia! A saúde do negócio fica muito melhor quando você está com a cabeça fresca e voltada para seu crescimento. Com um fluxo de caixa controlado você terá mais tempo e disposição para pensar em estratégias de crescimento e melhoria do seu negócio. Nós preparamos uma planilha detalhada para te ajudar nesse processo.

Tenha controle, fique tranquilo e #viabilize